Veja Também
Carregando...


Trata-se da inflamação do órgão da audição que compreende várias partes. O ouvido pode ser dividido para efeito didático em ouvido externo, ouvido médio e ouvido interno, porém interligados entre si.
ouvido externo compreende o pavilhão auricular (orelha), o meato acústico externo tambem chamado de canal auditivo externo e o tímpano, este última uma membrana delgada que por assim dizer separa o ouvido externo do médio. O ouvido médio é a câmara onde situam-se três ossículos ( martelo , estribo e bigorna) interligados entre sí e que servem como meio de ligação com o ouvido interno. Nessa câmara onde situam-se referidos ossículos, existe um canal de ligação do ouvido médio com o faringe, denominado Trompa de Eustáquio. Ouvido interno, a parte mais especializada e portanto tambem mais delicada e importante de todo o ouvido , onde existem os chamados Canais Semi-Circulares, a Cóclea e o Nervo acústico, este último ligando todo o conjunto diretamente ao cérebro.
Conforme sejam atingidas essas diferentes porções do ouvido, a otite se revestirá de maior ou menor gravidade, recebendo tambem denominações diversas, como otite externa (apenas ouvido externo inflamado), otite média (apenas ouvido médio inflamado), e otite interna (esta a mais grave pois atingindo os canais semi-circulares determinará transtornos do equilíbrio por ser esse o órgão responsável pelo nosso sentido espacial. Atingindo a coclea, será a doença denominada labirintite (devido ser tal orgão tambem chamado de labirinto), e assim por diante.


Fonte:www.dogtimes.com.br
Carmello Liberato Thadei (Médico Veterinário -CRMV-SP-0442 )