Veja Também
Carregando...


Muitas vezes o simples ato de proceder à limpeza dos ouvidos, quando a otite é apenas externa, é suficiente para sanar o mal . Porém, quando a infecção já atingiu o ouvido médio ou o interno, é necessário um tratamento mais especializado que só pode ser indicado corretamente por um veterinário, podendo ser necessário, inclusive, a administração de antíbioticos por via parenteral ou oral , e mesmo nebulizações da garganta com medicação apropriada. Nessa caso, a recomendação, é procure um veterinário competente.
Apenas uma recomendação final: Nada de pânicos em caso de otites! Tenha em mente que o próprio organismo animal têm meios de defesa eficientes, como os gânglios linfáticos situados na garganta , e mesmo as tonsilas (amigdalas) que os cães tambem têm, que se prestam na garganta para esse objetivo. Já no ouvido externo (orelha + canal auditivo externo e tímpano ) o único meio de defesa é o próprio tímpano. Porém, quando este se encontrar fenestrado (rompido ) por alguma causa traumática ou infecciosa anterior, será ineficiente para impedir a entrada de germes. Nesse caso, só o cuidado prevenindo a entrada de germes patogênicos, através do exterior, poderá impedir que se instale uma otite .
Cuide de seu animal como cuida de si mesmo : com cuidado e atenção, tanto quanto seu asseio quanto sua alimentação, e propriciando ao mesmo exercícios físicos e carinho. Nada alem disso.

Fonte:www.dogtimes.com.br
Carmello Liberato Thadei (Médico Veterinário -CRMV-SP-0442 )